POLITICA E SOCIEDADE

RONDÔNIA: A PREVIDÊNCIA, OS PRIVILÉGIOS E A PEC 32...

POR FRANCISCO XAVIER GOMES

06/10/2021 15h02Atualizado há 2 semanas
Por: REDAÇÃO

A pandemia de covid-19 revelou que, apesar de ter deficiências, o setor de saúde pública do Brasil foi fundamental para atender as vítimas do coronavírus, mesmo com todos os boicotes impostos pelo presidente da república e os ministros que ele colocou na pasta da saúde para impedirem o país de comprar vacinas. Aliás, as vacinas sobre as quais o governo tinha interesse eram aquelas vendidas pelo cabo da PM de Minas Gerais, Dominguetti Pereira, enquanto tomava chope com diversos militares da cúpula do Ministério da Saúde. O Brasil esteve muito perto de tomar um calote de quase dois bilhões de reais, e o problema não foi efetivado apenas porque um servidor de carreira do ministério denunciou o esquema. Estes fatos deixaram muito claro que os servidores de carreira possuem função determinante dentro dos órgãos públicos e acabar a estabilidade dos servidores públicos será uma catástrofe no país. Mas o presidente Bolsonaro já declarou publicamente que seu sonho é acabar com o serviço público, e a PEC 32 encaminhada por ele ao Congresso Nacional deixa isso muito claro. Saúde, Educação, Assistência Social e Segurança Pública serão os setores mais atingidos...

 

O serviço público brasileiro precisa criar mecanismos para evoluir? Claro que sim! E isto ninguém nega. O serviço público possui servidores que não cumprem suas atribuições e que não zelam pela coisa pública? Obviamente que sim!! O próprio presidente da república foi expulso do Exército Brasileiro, porque não tinha condições morais e nem dignidade compatíveis para continuar, segundo os relatórios do próprio EB, feitos na década de 80. O ministro da Economia, Paulo Guedes, é outro exemplo de servidor público que não serve para ocupar o cargo que exerce, porque ele jamais apresentou uma proposta para melhorar a vida dos brasileiros que pertencem às camadas mais pobres da população. Ao contrário; Paulo Guedes deixa muito claro que não gosta de empregadas domésticas, porteiros, enfermeiros, professores e todos os servidores públicos que possuem salários inferiores ao salário do atual presidente da Petrobrás. O general Joaquim Luna, que preside a Petrobrás, tem salário de 260 mil reais, enquanto o ministro da economia leva para paraísos fiscais toda sua fortuna, numa evidente demonstração de que ele não acredita nem mesmo no governo onde ele é o Posto Ypiranga. O Brasil pode ter todos os problemas que tiver, mas a fortuna do ministro da economia está protegida, porque está guardada num paraíso fiscal. Paulo Guedes está entre os raríssimos brasileiros privilegiados pelo governo...

 

No Brasil, os servidores públicos privilegiados são: os militares da elite das Forças Armadas, os  membros da magistratura, os membros do Ministério Público, os membros do Congresso Nacional, os deputados estaduais e distritais, os ministros de Estado,  os presidentes de estatais, os servidores comissionados do governo, os policiais federais bolsonaristas (a maior  parte da Polícia Federal continua sendo uma Polícia de Estado), os assessores que praticam a rachadinha e alguns outros poucos privilegiados. E esses servidores serão prejudicados pela PEC 32, caso seja aprovada? Lógico que não!! Claro que não!! Obviamente que não!!! Serão prejudicados os médicos, enfermeiros, técnicos de enfermagem, agentes administrativos, professores, policiais, servidores da assistência social. A PEC 32 foi preparada para prejudicar apenas os servidores que nunca tiveram nenhum privilégio e que atendem diretamente a população. A reforma da previdência do governo Bolsonaro e do ministro Paulo Guedes tem como finalidade prejudicar apenas os servidores que jamais provocaram nenhum rombo na previdência, mas que podem pagar caro com a reforma. Os privilegiados vão continuar muito bem protegidos e por isso eles fazem discurso de que a reforma é necessária. No caso de Rondônia, existem membros do poder judiciário com salários de 100, 200, 300 mil. Eles estão incluídos na reforma da previdência?? É lógico que não!!!

Aliás, é bom deixar claro que a aprovação dessa PEC 32 vai prejudicar toda a população brasileira, porque são os servidores públicos que atendem a população. O escândalo envolvendo a empresa Prevent Senior é prova clara de que a população brasileira precisa do SUS. É preciso melhorar o serviço público? Claro que sim, porque a constante evolução garante maior eficiência; mas privatização nunca foi sinônimo de eficiência. A privatização dos serviços de energia em Rondônia representa outra prova indiscutível de que privatização beneficia apenas os ricos e prejudica todas as camadas pobres. No Brasil, todas as instituições que fazem pesquisas sobre câncer, petróleo, medicamentos, meio ambiente, segurança pública... Todas são instituições públicas! A PEC 32 vai prejudicar todas as pesquisas feitas pelos cientistas do serviço público. E qual a empresa privada que desenvolve pesquisas científicas no Brasil e que visam o desenvolvimento do país? Nenhuma!! Absolutamente nenhuma!

 

 

 

Os habitantes de Rondônia precisam ficar muito atentos, quando essa PEC 32 for votada no Plenário da Câmara dos Deputados, porque essa bancada federal do estado é especializada em votar contra os interesses da população. Poucos dias atrás, a grande maioria da bancada votou a favor da privatização da Eletrobrás e dos Correios. A maioria da bancada de Rondônia tem compromisso com Paulo Guedes e com a família do presidente da república; mas nenhum compromisso com a população do estado. Basta observar as votações e verificar a conduta de cada deputado federal e senador do estado. Por esta razão, precisamos ficar atentos!! Como a PEC 32 pode prejudicar toda a população brasileira, precisamos cobrar uma postura séria da bancada federal de Rondônia. A aprovação da PEC 32 pode causar muito mais prejuízos do que a covid-19, mas ela é defendida por todas as pessoas que nunca tiveram nenhum respeito pelos servidores públicos e que jamais terão algum respeito pelas camadas pobres da população... Tenho dito!!!